Uma carta para o meu eu adolescente

| 11 Comments

Querida Patricia,

Você tem 16 anos, está prestes a completar o ensino médio (que na sua época ainda chama-se segundo grau). Você tem mil e um sonhos, adora escrever, é romântica e acredita que vai conseguir o que quiser estudando… Você se mata de estudar menina! Você quer tanto passar no vestibular que vai acabar arranjando uma gastrite. Acredite que a vida é boa e, apesar das suas preocupações, e tantas decisões a tomar quanto ao seu futuro profissional, tente relaxar um pouco. Você vai aprender com o tempo, que nada é tão sério quanto parece e que tudo muda o tempo todo. Por mais que você tente, não é possível planejar tudo nem controlar tudo. Dura lição essa, viu? Mas nos últimos anos, Deus tem ensinado bastante sobre quem está no controle… Ainda bem!

Você nem tem ideia do quanto sua vida vai se transformar no ano que vem. Você vai passar em todos os vestibulares que você prestar. Você vai escolher uma universidade pública, a fase de colégio vai ficar para trás, você vai mudar de cidade, largar seu primeiro namorado em outra e ter que amadurecer um bocado num espaço de tempo bem curto. Você vai ser a aluna mais nova da sua turma (como sempre), vai conhecer seus melhores amigos (até hoje!) e vai ver como Deus pode sim fazer a diferença em um mundo acadêmico aparentemente tão cético. E vai ser só o começo! Seus anos de universidade terão um impacto imenso por toda a sua vida. Apesar de hoje eu não acreditar que estudar seja a solução para tudo, essa sua disciplina, capacidade de organização e planejamento ainda vão ser muito úteis, acredite. Cuide do seu coração. Você parece tão forte, mas na verdade é tão frágil… Eu não vou deixar mais spoilers para você, mas aceite que há coisas que não podemos mudar e que o processo de levantar-se e seguir em frente faz-nos mais fortes e resilientes. Eu fico feliz em saber que hoje, tantos anos depois, ainda há um brilho no olhar, sonhos e desejos como naquela menina de 16. Que se achava magra demais, meio inadequada, mas que sonhava muito e acreditava que poderia alcançar grandes coisas. Bem, a vida começa aos trinta, certo? Muitas coisas que você queria, você já conseguiu. Mas hoje, vejo que estamos só no começo dessa história!

Ps: Até hoje, More than Words continua sendo sua música preferida, já que você ainda acha que ações valem mais que palavras…

———-

Essa foi uma iniciativa do Chatting At the Sky. Apesar da blogagem coletiva ser em inglês, eu achei a ideia tão legal que tive que participar! E vocês, se pudessem, o que diriam hoje para o seu EU adolescente?

11 Comments

  1. Oi, Pat!

    O que vc citou do seu eu adolescente parece muito com grande parte do meu: estudiosa, disciplinada e sonhadora, achando que poderia ter tudo através dos estudos… Tbm mudei de cidade (e estado) para ir para a universidade pública. Até hoje, assim como vc tenho disciplina, capacidade de organização e planejamento, que são muito úteis, a diferença é que, ao contrário do seu, o meu eu adolescente não foi privilegiado com a certeza de que é Deus quem está no comando. Hoje eu sei e sou mil vezes mais feliz por causa disso!

    Beijos

    • Oi Vanessa, interessante termos tantas coisas em comum… E que bom que hoje você aprendeu mais uma lição. Tudo de bom para você :)

  2. Ameeeeiiii essa blogagem coletiva, posso participar também??? Amei a idéia pro post…quero fazer uma carta para mim igual…que tal fazermos essa BC versão brasileira?? Bjos!

  3. Eu já pensei em fazer isso varias vezes… Mas ainda não sentei pra escrever uma carta para eu mais jovem.

  4. Obaa, vou fazer meu post hoje então…depois mostro o link!!
    Quero manter contato com vc, pois estamos nos mudando para o Canadá no final do ano….vc mora em que lugar do canadá? Hoje à tarde vou dar uma lida no seu blog pra pesquisar se vc tem alguns posts falando sobre o país…
    Bjos!

  5. Olá!!!
    Cheguei aqui através da postagem da Mamãe Nádia, e adorei a ideia.
    Já estou escrevendo a minha cartinha pra mim mesma tb… hehehe!
    Bjs

  6. Escrevi a minha cartinha!! http://cdecici.blogspot.com.br/2012/09/uma-carta-

    Amei, Patricia!!
    Se puder, dê uma olhadinha…

    Bjns
    ^^

  7. Que legal Pati! Essa linda musica tmb marcou minha vida, meu primeiro amor na epoca da escola, rs…E que bom que todos os seus sonhos de adolescente se realizaram ;-) os meus tmb, ainda bem, rs…Beijocas

Leave a Reply

Required fields are marked *.

*