soparacontar

Vida de Amélia

| 12 Comments

Conversando com uma amiga hoje e depois de ler alguns comentários no último post, em que eu falei sobre as facilidades da vida moderna, fiquei pensando em como o processo de limpeza funciona de um jeito diferente por aqui. Não é só o jeito de cuidar da casa que é diferente, mas é toda a filosofia da faxina… Não sei se é melhor ou pior, mas digo que para quem é brasileiro, um processo de aprendizagem e adaptação é bem necessário. Aí vão algumas curiosidades sobre o tema:

- Empregada doméstica como vemos no Brasil não existe aqui. O que existe são os serviços de diarista, cobrados por hora ou por casa. Há governantas e pessoas muito ricas poderiam ter empregadas, mas diria que isso é coisa de uma minoria absoluta. Para um canadense, ter um empregado é uma coisa culturalmente torta. Essa é a terra do faça você mesmo e todo mundo prefere cuidar do que é seu. Para dar um exemplo, basta dizer que a esposa do primeiro-ministro participou recentemente do seu hiking anual em que ela é a cozinheira da equipe durante a temporada. Alguém imagina alguma primeira-dama fazendo isso no Brasil?

- As casas aqui normalmente são equipadas com lavadora e secadora, lava-louças, microondas, e fogão elétrico. Até há quem seque roupa no varal durante o verão, mas no geral secadora aqui é lei. Quase ninguém passa roupa, exceto as sociais. O truque é tirar da secadora ainda quente, dobrar e guardar. Há inúmeros eletrodomésticos para facilitar a vida de quem faz tudo em casa. Um dos exemplos é o roomba, o robô aspirador que falei no post anterior. O daqui de casa foi um presente da minha sogra e ultimamente tem sido meu melhor amigo. O bichinho pode ser programado para funcionar em dias e horários determinados, e quando termina o serviço volta sozinho para a base para recarregar a bateria. Uma dádiva nesses meus dias de migalhas auto-mutiplicantes em uma casa com criança.

- As casas passam muito tempo fechadas e por causa disso sujam menos. No inverno é porque é impossível ficar com um ventinho de -20 entrando pela janela e no verão por causa do calor… É contraproducente deixar janelas abertas com o sistema de aquecimento ou ar condicionado funcionando. Eu sou uma exceção à regra. Sou meio claustrofóbica e no inverno, pelo menos uma vez por semana abro tudo e deixo o ar circular (pensem que o marido adora… só que não). No verão eu também abro a porta dos fundos porque não gosto de cheiro de comida quando estou cozinhando.

- Todo mundo deixa os sapatos na entrada de casa. Isso ajuda um bocado a manter a limpeza. Até quando vamos visitar alguém, já chegamos tirando os sapatos.

- Minhas amigas canadenses são muito mais relaxadas com limpeza do que eu, que nem sou tão obsessiva assim. Nessa minha fase de gravidez, elas ficam repetindo para eu deixar a família viver de torradas se for o caso, e ir deitar e descansar, pelo bem do bebê. Só que eu não consigo! Com os canadenses, eu já vi de tudo. Casa que era uma completa zona de guerra, casa que era suja mas organizada, e casa limpa. O que importa é que a família estava bem do jeito que a dinâmica estava funcionando.

- Não há ralo nas casas. Nem nos banheiros, nem na cozinha, nem na área de serviço. Nada de jogar água no chão! A limpeza é na base nos panos, mops, swiffers, aspiradores e steamers.

- Não há muita distinção de gênero nas arrumações, todo mundo entra na dança, inclusive as crianças que tem sua cota semanal de tarefas. Por mais que as mulheres ainda reclamem dos maridos, o que eu vejo é que eles normalmente ajudam nas tarefas domésticas muito mais do que eu estava acostumada a ver no Brasil. Isso foi uma das coisas que teve que mudar aqui e o marido aos poucos tem aprendido a ser muito mais participativo (pena que a tolerância dele à desordem seja infinitamente maior que a minha!).

- É impossível manter o padrão de limpeza que eu tinha no Brasil. Tudo é uma questão de prioridades e das duas uma: ou você passa o fim dos seus dias esfregando cada canto da casa ou vai viver a vida lá fora. As pessoas costumam escolher a segunda opção e tentar achar formas de elevar a eficiência e gerenciar a casa da forma mais organizada e limpa que for possível.

- Eu ainda não estou em paz com a forma que a minha casa está organizada. Não me sinto bem com coisas fora do lugar ou por limpar. Talvez ainda precise de uns anos para mudar de mente ou me tornar mais eficiente… Ou talvez esse momento de gravidez em que estou sem energia para arrumações esteja mexendo muito comigo. Mas o que eu sei é que estou considerando contratar alguém aqui uma vez por semana para me dar uma força, pelo menos nessa minha fase barriguda. Só que isso vai depender dos meus próximos trabalhos e como a $ituação por aqui vai andar.

Nossa, o post acabou ficando enorme! Acho que no fim esse assunto anda ocupando muito espaço na minha cabeça. E vocês, como mantém a limpeza por aí?

[imagem daqui e eu adorei a dica de lá sobre limpeza da cozinha!]

12 Comments

  1. Amei! Amei saber um pouco mais onde to me metendo,, rs.. Realmente eu fiquei 1 mes numa casa nos EUA e suja bem menos que no Brasil… Eu realmente vou ter que recorrer ao Maid Service que ja pesquisei, ate meu marido falou que ele quer chamar a cada 15 dias que nem aqui, eu que sugeri 1 vez por mes.. Mas como temos um cachorro e um gato, ja viu ne?! Cada um equivale a 2 criancas.. Mesmo eles sendo educados e fazerem tudo no lugar, eles soltam pelos.. Inevitavel. Rs..
    Mas vou procurar esse robozinho!! Adorei saber da existencia dessa criatura hehehe.
    Beijinhos!!!

  2. menina, adorei e invejei. o que é esse roomba??????? quero um para mim NOW!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Será que dá para importar???

    adorei o post, é realmente diferente a cultura dos países, tem que ter uma adaptaçao mestre, hein???

    aqui em casa temos faxineira duas vezes na semana e o resto dos dias eu finjo que nao estou vendo a sujeira. mas a bagunça é arrumada sempre hohohohohohoh. só lavar banheiro, cozinha, azulejo e faxinar pesado é que nao fazemos, de resto, fazemos tudo tb: janta, lavar louça, lavar roupa, arrumar quartos, arrumar sala (em looping)…

    beijos!!! adorei as suas dicas no meu post sobre rótulos, viu?? ADOREI!!!!!!!!
    Beijos grandes e obrigada!!

  3. Quanta diferença!! Vivemos uma outra realidade aqui "para baixo"!! Rsrsrsrsrsrsrsrs…além de não termos toda essa variedade de eletrodomésticos que facilitam a vida, nossas roupas, quase todas, têm que ser passadas e poeira é algo que não dá pra escapar porque janelas abertas são ordem!! Ao contrário daí, Manaus vive um calor de 40º!!! Sujamos muito mais roupas e a casa tá sempre precisando ser varrida…confesso que nem sempre é legal ter um estranho dentro de casa cuidando do que é seu, mas, por enquanto, não dá pra abrir mão dessa ajuda!! Beijos pra vc!!

  4. Mas esse tal de roomba funciona mesmo? Não fica um caminho limpo e o resto não?
    beijos

  5. Pati, estou ansiosa para conhecer esse robozinho… Duas perguntinhas básicas: (1) quanto custa? (2) Como a Pucca se relaciona com ele?

    Bjo!

    • Dri, o preço varia de acordo com o modelo. A Pucca não é a maior fã não, mas ela aprendeu a mudar de cômodo quando ele está trabalhando!
      bj!

  6. Nossa aonde encontra esse roomba no brasil? é o "melhor amigo" da mulher né…srsrsr…..nunca ouvi falar dele…mas ja me apaixonei por ele…rsrsr….realmente aqui é duro né….muita poeira as roupas a maioria tem que passar, a casa por enquanto sou eu que limpo de final de semana e meu marido graças a Deus me ajuda muito viu agora tenho uma cachorrinha que tem feito arte todos os dias rsrsrsr…o serviço aumentou um pouco mas a alegria dela quando chego recompensa tudo…beijos e ate mais….

  7. Legal saber esses detalhes daí, ainda mais que estamos pensando em morar no Canadá. Continue contando detalhes! Bjos!

  8. OIIIII….Adoroooo estes post assunto "mulherzinha" …hehehe
    Nossa, ainda estamos aqui no Brasil, mas não sei como seria ser uma faxineira pelo menos de 15 em 15 dias….tenho cachorro…e ela solta muitooo pêlo, e eu sou super alérgica a poeira….e seu eu for me meter a tirar pó fico muito atacada da rinite….aqui temos uma faxineira que me ajuda 1x/ semana….e se eu pudesse, ela viria 2 x semana….
    Continue nos dando este retorno para sabermos como é a vida real ai no Canadá….e pq é tãoooo absurdo assim para os Canadenses considerar a possibilidade de alguém limpar sua casa de vez em quando?? O valor é muito exagerado????
    Abraço e boa sorte sempre!

    Vanessa

  9. Oi Pati,

    Aprendamos com as gringas entao: Vamos manter a casa em ordem, limpa e sem a nossa neurose Brasileira de limpeza, rs…Se Você souber como, me avise, estou ansiosa para aprender ;-)

Leave a Reply

Required fields are marked *.